clipping-politica-brasileira

Clipping: Temer transfere ao PMDB uso de verbas contra a seca

Imprimir

O presidente em exercício, Michel Temer (PMDB), transferiu o controle sobre a execução de obras destinadas ao combate à seca ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), órgão controlado predominantemente por peemedebistas. A verba estava prevista para ser gerenciada pelos governadores do Nordeste e estando em ano eleitoral, constituía parte importante da estratégia de campanha dos políticos da região. (Estadão)

OAB reage às declarações do ministro Gilmar Mendes

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Eleitoral, Gilmar Mendes declarou, na tarde de quarta-feira, que a Lei da Ficha Limpa foi mal feita e que parece ter sido elaborada por bêbados. Em resposta à essa declaração, Cláudio Lamachia, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), afirmou, em nota: “O presidente do TSE deveria reconhecer e apoiar todas as iniciativas que aperfeiçoam o sistema eleitoral. A linguagem usada por ele, inclusive, não se coaduna com a postura de um magistrado”. (O Globo)

A máquina pública nas eleições municipais

As mudanças nas regras para as eleições de 2016 já produzem efeitos sobre as estratégias eleitorais. Segundo especialistas as restrições para doação e menos tempo de exposição na TV, tornam o papel dos padrinhos políticos ou a posição dos que estão buscando a reeleição uma vantagem considerável. Em São Paulo, dos três candidatos com acesso direto ou indireto à máquina pública, o tucano João Doria tende a ser o maior beneficiado, sendo apadrinhado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB). (Folha)

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Sem dinheiro para os rábulas


O Estadão publicou no último dia 27 de março levantamento sobre a posição de 14 candidatos à Presidência da República em relação à possibilidade de prisão em segunda instância. A chamada esquerda votou contra a atual, e frágil, jurisprudência.

Ler mais

O Sistema Político Brasileiro faliu e precisa ser reinventado


O Sistema Político Brasileiro, por razões estruturais e operacionais de suas instituições, é um dos mais complexos, fragmentados, caros e ineficientes do mundo. Ademais, o Parlamento convive diuturnamente com episódios de corrupção, vulnerabilidade aos lobbies e captura pelo Executivo.

Ler mais

Os ratos da Lava-Jato e o apartheid carcerário


Quando decidiram que era tarde da noite para decidir sobre a prisão em segunda instância, os juízes da Suprema Corte abriram uma brecha para a soltura dos meliantes do erário. Se decretarem a alforria de ladrões graúdos, os onze supremos sufetas estarão sepultando a Lava-Jato.

Ler mais

A lógica do paternalismo e o Estado controlador


A influência que a esquerda exerce sobre as redações, a academia e o mundo artístico propaga conceitos ideológicos como se fossem verdades certificadas. Quem discorda é patrulhado por “especialistas” arregimentados pela mídia em geral – que, mais das vezes, busca quem confirme sua tese.

Ler mais