agenda-politica-brasileira

Copom anuncia hoje Selic

Imprimir

Os principais eventos desta quarta-feira são os seguintes:

1. O presidente Michel Temer participa de cerimônia de Assinatura de Portaria Conjunta ANVISA/INPI: Modernização e Desburocratização do Sistema de Propriedade Intelectual no Brasil
2. O relator da Reforma Trabalhista (PL nº 6787/16) na Câmara, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), pode apresentar seu parecer.
3. O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, se reúne com a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, no Supremo. Também participa do encontro o diretor de relacionamento institucional e cidadania, Isaac Sidney.
4. O Ministério da Fazenda divulga o relatório mensal do Prisma Fiscal
5. O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central anuncia taxa básica de juros (Selic).
6. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) realiza debate sobre reforma da Previdência com a presença do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ)
7. O IBGE divulga o resultado do varejo em fevereiro.

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Sem dinheiro para os rábulas


O Estadão publicou no último dia 27 de março levantamento sobre a posição de 14 candidatos à Presidência da República em relação à possibilidade de prisão em segunda instância. A chamada esquerda votou contra a atual, e frágil, jurisprudência.

Ler mais

O Sistema Político Brasileiro faliu e precisa ser reinventado


O Sistema Político Brasileiro, por razões estruturais e operacionais de suas instituições, é um dos mais complexos, fragmentados, caros e ineficientes do mundo. Ademais, o Parlamento convive diuturnamente com episódios de corrupção, vulnerabilidade aos lobbies e captura pelo Executivo.

Ler mais

Os ratos da Lava-Jato e o apartheid carcerário


Quando decidiram que era tarde da noite para decidir sobre a prisão em segunda instância, os juízes da Suprema Corte abriram uma brecha para a soltura dos meliantes do erário. Se decretarem a alforria de ladrões graúdos, os onze supremos sufetas estarão sepultando a Lava-Jato.

Ler mais

A lógica do paternalismo e o Estado controlador


A influência que a esquerda exerce sobre as redações, a academia e o mundo artístico propaga conceitos ideológicos como se fossem verdades certificadas. Quem discorda é patrulhado por “especialistas” arregimentados pela mídia em geral – que, mais das vezes, busca quem confirme sua tese.

Ler mais