michel-temer

FHC acredita que renúncia pode ser o caminho

Imprimir

Em declaração dada a Murillo de Aragão (Arko Advice), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC) afirmou que a crise deflagrada com as revelações da JBS é gravíssima. Disse, ainda, que se não houver uma explicação clara e convincente do ocorrido pelo presidente Michel Temer, a governabilidade ficará comprometida e que a renúncia seria o melhor caminho.

FHC completou seu raciocínio afirmando que a Constituição deve ser respeitada e que as reformas deveriam prosseguir pelo bem do país. O ex-presidente considerou como possível um eventual desembarque do PSDB do governo caso a crise não tenha algum desdobramento positivo ou não seja encerrada com uma eventual renúncia.

Temer e Trump

A senadora Ana Amélia (PP-RS), em declaração exclusiva para o Blog da Política Brasileira, avaliou triste o cenário político brasileiro e gravíssimas as acusações feitas ao presidente Temer. Comparou a situação com o que está ocorrendo com Trump, presidente americano, que está sendo investiga por obstrução à justiça. Afirmou que a Operação Lava-Jato cumpre o seu papel ao mostrar que a lei vale para todos e que as instituições funcionando com um espírito republicano devem buscar juntas a saída menos traumática para a crise.

Entrevista por Nathália Pedrosa

Vídeo da TV Arko Advice

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Justiça tem que ser para todos


Os últimos 33 anos no Brasil tiveram a marca indelével de três partidos: MDB, PSDB & PT. Neste interregno, quase tudo de bom, quase tudo de mau que ocorreu em terras brasilianas teve a participação da tríade.

Ler mais

Serie eleições 2018: priorizar o resgate da política.


O principal desafio da sociedade e das instituições, além dos próprios candidatos ao pleito de 2018, é superar a desilusão com a política. É preciso resgatar a importância da principal ou da única forma de resolução dos problemas coletivos fora do emprego da violência.

Ler mais

Por enquanto, espontânea e rejeição é o que interessa nas pesquisas


O alvoroço em torno das pesquisas de intenção de voto se justifica. Afinal, o grau de credibilidade de alguns institutos de pesquisa, como o Datafolha, torna-se um dos poucos referenciais concretos diante do achismo de palpiteiros.

Ler mais