agenda-politica-brasileira

Michel Temer lança programa BNDES Giro

Imprimir

Destaques da agenda do dia

1. O Presidente Michel Temer participa do lançamento do programa BNDES Giro, que visa simplificar e agilizar a concessão de crédito para micro, pequenas e médias empresas. O evento contará com a presença dos ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Planejamento, Dyogo Oliveira, e dos presidentes do Banco do Brasil, Paulo Caffareli, e do BNDES, Paulo Rabello de Castro

2. O Presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reúne-se com lideranças de diversos setores de serviços para discutir Reforma Tributária.

3. A Câmara tenta votar proposta de Reforma Política.

4. Reunião do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) discute privatização da Eletrobras.

5. Os Ministros da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, e da Casa Civil, Eliseu Padilha, participam do Congresso Aço Brasil.

6. A Comissão Mista de Orçamento que analisa a Medida Provisória nº 777/17, que institui a Taxa de Longo Prazo (TLP), pode votar o parecer do relator, deputado Betinho Gomes (PSDB-PE).

7. A Comissão de Desenvolvimento Regional do Senado realiza audiência pública com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, sobre o programa de revitalização do rio São Francisco.

8. Sessão do Congresso Nacional, às 20h, para votar vetos presidenciais.

9. O Presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, reúne-se com executivos da Shell em Brasília.

10. O ex-presidente Lula visita Alagoas na sua caravana pelo Nordeste.

11. O Supremo Tribunal Federal julga se leis estaduais proibindo a produção e o consumo de amianto usurpam o poder da União de legislar sobre o tema.

12. O IBGE divulga prévia da inflação de agosto (IPCA-15).

13. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga Sondagem da Indústria da Construção.

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Reflexões sobre tendências do próximo Congresso


Salvo mudanças inesperadas no humor do eleitorado, a tendência será de reeleição entre 60% e 70% da atual Câmara dos Deputados – um dos mais altos das sete últimas eleições – o que poderá levar para a próxima legislatura as práticas e os vícios da atual composição legislativa.

Ler mais

A salvação de Lula interessa a muita gente. E pode vir pelo STF


Duas circunstâncias distintas concorrem para livrar o ex-presidente Lula da prisão. Uma delas passa pelo STF (Supremo Tribunal Federal), mais exatamente pelo juiz Dias Toffoli. Outra, pelos inúmeros suspeitos graúdos de rapinarem o erário…

Ler mais

O banco de reservas Petista


A condenação de Lula em segunda instância, de maneira unânime, pelo TRF-4, inviabiliza o caminho do ex-presidente ao Palácio do Planalto. O PT tem traçada a estratégia de manter a candidatura de Lula até o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impedi-lo de disputar o Planalto novamente, como preveem

Ler mais