clipping-politica-brasileira

Clipping: PT decide apoiar nome da oposição contra Maia

Imprimir

Após forte reação de sua base contra a possibilidade de apoio a um candidato da base de Michel Temer, a bancada do PT anunciou nesta terça-feira (31) adesão à candidatura do oposicionista André Figueiredo (PDT-CE) à presidência da Câmara.

Embora participem da principal legenda de oposição a Temer, petistas chegaram a avaliar apoiar a reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) com o objetivo de obter cargos na administração da Casa. Venceu, entretanto, a tese de que o partido de Dilma Rousseff não poderia endossar candidatos que integraram o movimento de destituição da petista. (Folha)

Fachin deve protocolar pedido para mudar para turma da Lava-Jato

O ministro Edson Fachin deve protocolar nas próximas horas na presidência um pedido para mudar da Primeira para a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal.

Com isso, Fachin passaria a ser habilitado para entrar no sorteio entre os cinco integrantes do colegiado que deverá definir o novo relator da Lava Jato no STF.

Como Fachin é o ministro mais “novato” no Supremo, diante de seu pedido, a presidente do tribunal, Cármen Lúcia, terá de consultar os outros integrantes da Primeira Turma se teriam interesse em fazer a troca. (Estadão)

Decreto de Trump dificulta visto para brasileiros

A embaixada americana no Brasil publicou em seu site o decreto do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que muda regras de concessão de vistos para brasileiros e argentinos. O documento, classificado como “Ato do Executivo para proteger a nação contra a entrada de terroristas estrangeiros nos Estados Unidos”, revoga a isenção de entrevistas para quem quer renovar o visto na mesma categoria até 48 meses após o vencimento. Agora, só quem quer renovar após 12 meses após o vencimento estará liberado da entrevista.

Também terão de fazer entrevistas brasileiros e argentinos que solicitam o visto pela primeira vez e são maiores de 14 anos e com menos de 79 anos. Antes, estavam isentos de se submeterem a essa etapa do processo os menores de 15 anos e os que tinham mais de 66. Essas isenções para brasileiros e argentinos foram editas pelo ex-presidente Barack Obama há cerca de dois anos. (O Globo)

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados