michel-temer

Frases do julgamento do TSE

Imprimir

Para saber mais sobre a crise política, leia:
EM BUSCA DO TÚNEL
RESULTADO DO JULGAMENTO DA CHAPA DILMA-TEMER NO TSE
QUEM MATOU A CIDADANIA FOMOS NÓS, QUE NÃO PARTICIPAMOS DA POLÍTICA

julgamento chapa Dilma-Temer
Presidente do TSE Gilmar Mendes

“Essa ação só existe graças ao meu empenho, modéstia às favas. Vossa Excelência hoje é relator e está brilhando na televisão do Brasil todo.” Gilmar Mendes, sobre Herman Benjamin.

“Eu prefiro o anonimato. Um juiz dedicado aos seus processos que não tem nenhum glamour. Aliás, processo que se discute, presidente [Gilmar Mendes], condenação de A, B, C ou D, em qualquer natureza, não tem e não deve ter nenhum glamour pessoal. Eu não escolhi ser relator. Preferia não ter sido relator, mas tentei cumprir [o meu papel].” Herman Benjamin, relator do processo no TSE, em resposta a Gilmar Mendes.

herman-benjamin
Relator Herman Benjamin

“Eu, como juiz, recuso o papel de coveiro de prova viva. Posso até participar do velório, mas não carrego o caixão.” Herman Benjamin

“Só os índios não contactados da Amazônia não sabiam que a Odebrecht havia feito colaboração premiada. Se isto não é fato notório e público, não existirá outro.” Herman Benjamin.

“A toda hora tinha que fazer atualizações [no relatório da ação] em função dos fatos que se sobrepõe. (…) Puxa-se uma pena e vem uma galinha na Lava Jato”. Herman Benjamin, citando Gilmar Mendes.

“Estou convencido, tampouco mudou a forma de julgar ou a têmpera dos ministros do TSE. Nós, juízes brasileiros, do TSE ou de qualquer instância da magistratura brasileira, federal ou estadual, julgamos fatos como fatos, e não como expedientes políticos de conveniência oscilante.” Herman Benjamin.

“Não há como se investigar financiamento ilícito de campanha no Brasil sem investigar a Odebrecht. Mesmo que a Odebrecht não tivesse sido citada nominalmente. Nós não teríamos como esquecer a matriarca da manada de elefantes.” Herman Benjamin

“O que não há nesse país é medo. Se houvesse medo, isso aqui não teria acontecido.” Herman Benjamin

“É um milagre que estejamos hoje aqui apurando esses fatos. Não era para ser. Não haverá outra oportunidade para apurar fatos dessa natureza aqui. Para o TSE, eu não vejo como. Porque, no caso preciso da Odebrecht, existia um sistema tal de proteção e sofisticação que seria impossível para nós apurarmos o que foi apurado aqui se não fosse a Lava Jato.” Herman Benjamin

“Aqui temos um grande cofre, recursos lícitos puros, de caixa 1, entram junto com recursos de caixa 2 e se misturam. Quem quiser separar aqui caixa 1 e caixa 2, boa sorte.” Herman Benjamin, relator do processo no TSE

admar-gonzaga-tse
Ministro Admar Gonzaga

“Meu voto se limitará ao recebimento de doações oficiais de empresas contratadas pela Petrobras. A parte chamada fase Odebrecht se refere a revelações relacionadas a caixa 2.” Admar Gonzaga, ministro do TSE

“Ou seja, aqui estamos no processo mais importante do processo do TSE para examinar caixa 1, mas não caixa 2? Invertendo a ordem absoluta de toda a nossa história. Aqui nós sempre examinamos caixa 2. Caixa 1, como o ministro Gilmar [Mendes] diz, se transformou numa grande lavanderia, a mais sofisticada possível. […] Então, boa sorte no momento em que Vossa Excelência for examinar apenas caixa 1”. Herman Benjamin, dirigindo-se ao ministro Admar Gonzaga

luiz fux
Ministro Luiz Fux

“Não pode julgar sem se atentar para a realidade política que vivemos hoje, não podemos. Nós somos uma Corte. Avestruz é que enfia a cabeça no chão.” Luiz Fux

“Vossa Excelência reabriu para nós descobrirmos, e nós descobrimos. O que no meu modo de ver é impossível a uma Corte é descobrir e não levar em consideração.” Luiz Fux

“A lei quer que a sentença e nosso acordão sejam o máximo possível coincidente com a realidade. Então a jurisdição não pode viver apartada da realidade fática e no nosso caso, da realidade política.” Luiz Fux.

ADSE204 BSB - 30/09/2016 - TSE / ELEIÇÕES - POLITICA - Nicolao Dino vice-procurador-geral Eleitoral na Reunião extraordinária no plenário do TSE deve decidir se aceita o pedido de envio das Forças Armadas para mais municípios brasileiros, visando à segurança das eleições no final de semana, no TSE, em Brasilia. FOTO: ANDRE DUSEK/ESTADAO
Vice-procurador-geral Eleitoral Nicolao Dino

“A petição inicial apontou a existência de um tumor. A ecografia apontou a existência de um câncer. A cirurgia abdominal demonstrou que na verdade o quadro é de metástase.” Nicolao Dino, vice-procurador-geral eleitoral

flavio caetano
Flávio Caetano, advogado de Dilma Rousseff

“Este tribunal tem posição histórica e consolidada que não é possível a separação de contas de responsabilidade entre cabeça de chapa e seu vice. […] Aquilo que a Constituição uniu não cabe ao bel prazer o candidato a vice desfazer. A Constituição une candidatos a presidente e a vice. Une no registro e une na eleição. Flávio Caetano, advogado de Dilma Rousseff.

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Sem abrir espaço à renovação, o PT engessa a esquerda conservadora


As coligações para o pleito de 7 de outubro confirmaram a tendência monopolista do PT de Lula. Num momento que pode se caracterizar por uma inflexão na história brasiliana, a sigla interditou o debate na esquerda conservadora.

Ler mais

O “messianismo” espreita o pleito de 2018, adverte Pedro Malan


Momentos de grande desilusão são portas de entrada para salvadores da pátria. Com a maioria dos eleitores fartos com todos os políticos, os eleitores de 2018 flertam com o messianismo.

Ler mais

80,16% dos deputados estaduais concorrem à reeleição


Levantamento das empresas Queiroz Assessoria Parlamentar e Sindical e MonitorLeg Comunicação Legislativa conclui que a renovação nas Assembleias Legislativas tende a ser baixa, especialmente em função do elevado percentual de candidatos à reeleição: 80,16%.

Ler mais

Câmara dos Deputados: renovação ou circulação no poder?


A próxima composição da Câmara dos Deputados terá o menor índice de renovação real, entendendo-se como tal apenas os nomes que nunca ocuparam cargos públicos. A renovação real será absolutamente residual. O que haverá será uma circulação no poder.

Ler mais