clipping-politica-brasileira

Fachin determina prisão imediata de Maluf

Imprimir

Ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, rejeita os embargos de declaração e infringentes da defesa do deputado Paulo Maluf e determina que ele comece a cumprir a pena de 7 anos e 9 meses imediatamente. Maluf foi condenado por lavagem de dinheiro proveniente de obras da Avenida Águas Espraiadas, entre 1993 e 1997, quando era prefeito da capital paulista. Por ter 85 anos o deputado paulista tem o direito a cumprir em regime semi-aberto ou domiciliar, resta saber o que o STF determinará.

Toffoli e Mendes votam contra desmembramento do “quadrilhão do PMDB”

Os ministros Dias Toffoli e Gilmar Mendes, em desacordo com a decisão de Edson Fachin pelo desmembramento do caso do “quadrilhão do PMDB na Câmara” votaram por retirar do juiz federal Sérgio Moro as investigações contra  o ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA). A discussão gira em torno da abrangência da imunidade presidencial nesse caso.

Marcelo Odebrecht deixa a prisão depois de 2 anos e meio

Após cumprir dois anos e meio de prisão em regime fechado em Curitiba, o empresário Marcelo Odebrecht teve progressão de pena para prisão domiciliar em regime fechado. Serão mais dois anos e meio onde o empresário só poderá sair de sua mansão no Morumbi duas vezes, uma para a formatura da filha em 2018 o controle será feito por meio do uso permanente de uma tornozeleira eletrônica. Poderá nesse período receber visitas de 15 pessoas previamente cadastradas na justiça e sair para atendimentos de saúde. Após esse período Marcelo passará para o regime semi aberto com reclusão noturna, finais de semana e feriados e depois regime aberto com recolhimento domiciliar noturno apenas nos finais de semana e feriados.

Com informações da Folha, Estadão e Globo News

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Sem abrir espaço à renovação, o PT engessa a esquerda conservadora


As coligações para o pleito de 7 de outubro confirmaram a tendência monopolista do PT de Lula. Num momento que pode se caracterizar por uma inflexão na história brasiliana, a sigla interditou o debate na esquerda conservadora.

Ler mais

O “messianismo” espreita o pleito de 2018, adverte Pedro Malan


Momentos de grande desilusão são portas de entrada para salvadores da pátria. Com a maioria dos eleitores fartos com todos os políticos, os eleitores de 2018 flertam com o messianismo.

Ler mais

80,16% dos deputados estaduais concorrem à reeleição


Levantamento das empresas Queiroz Assessoria Parlamentar e Sindical e MonitorLeg Comunicação Legislativa conclui que a renovação nas Assembleias Legislativas tende a ser baixa, especialmente em função do elevado percentual de candidatos à reeleição: 80,16%.

Ler mais

Câmara dos Deputados: renovação ou circulação no poder?


A próxima composição da Câmara dos Deputados terá o menor índice de renovação real, entendendo-se como tal apenas os nomes que nunca ocuparam cargos públicos. A renovação real será absolutamente residual. O que haverá será uma circulação no poder.

Ler mais