agenda-politica-brasileira

Presidente interino, Rodrigo Maia se reúne com centrais sindicais

Imprimir

Destaques da agenda do dia

1. Representantes das centrais sindicais se reúnem com o presidente interino, Rodrigo Maia, para discussão sobre uma nova contribuição sindical.

2. Prevista sessão do Congresso para votar projeto que trata da revisão das metas fiscais de 2017 e 2018.

3. A Câmara deve concluir a votação da MP 777/17, que institui a Taxa de Longo Prazo (TLP).

4. A Câmara também pode votar a proposta de emenda à Constituição que trata da cláusula de desempenho e fim das coligações nas eleições proporcionais.

5. Prefeitos entregam a deputados, em Brasília, lista de prioridades de capitais e cidades médias.

6. Sindicatos do setor elétrico se reúnem, em Brasília, para discutir o calendário de manifestações em setembro contra a privatização da Eletrobras.

7. O Supremo Tribunal Federal julga a constitucionalidade da Medida Provisória nº 746/16, que trata da Reforma do Ensino Médio.

8. O Banco Central divulga o resultado das contas do setor público consolidado em julho.

9. A Organização Mundial do Comércio (OMC) divulga relatório condenando diversos programas brasileiros, entre os quais o Inovar-Auto, de incentivo à inovação tecnológica e adensamento da cadeia produtiva de veículos; a Lei de Informática e o Programa de Incentivos ao Setor de Semicondutores; os programas de Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Equipamentos para a TV Digital e de Inclusão Digital.

10. A CPI do BNDES realiza audiência pública com o procurador do Ministério Público junto ao TCU, Júlio Marcelo de Oliveira; e o diretor financeiro do BNDES, Carlos Thadeu de Freitas Gomes.

11. A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara faz audiência pública com o secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano.

12. O Presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, lança campanha nacional para incentivar a circulação de moedas no País.

13. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga relatório sobre Coeficientes de Abertura Comercial.

14. Divulgação do IGP-M de agosto.

15. O IBGE divulga estimativas de População dos Municípios de 2017.

Loading Facebook Comments ...

Artigos relacionados

Sem abrir espaço à renovação, o PT engessa a esquerda conservadora


As coligações para o pleito de 7 de outubro confirmaram a tendência monopolista do PT de Lula. Num momento que pode se caracterizar por uma inflexão na história brasiliana, a sigla interditou o debate na esquerda conservadora.

Ler mais

O “messianismo” espreita o pleito de 2018, adverte Pedro Malan


Momentos de grande desilusão são portas de entrada para salvadores da pátria. Com a maioria dos eleitores fartos com todos os políticos, os eleitores de 2018 flertam com o messianismo.

Ler mais

80,16% dos deputados estaduais concorrem à reeleição


Levantamento das empresas Queiroz Assessoria Parlamentar e Sindical e MonitorLeg Comunicação Legislativa conclui que a renovação nas Assembleias Legislativas tende a ser baixa, especialmente em função do elevado percentual de candidatos à reeleição: 80,16%.

Ler mais

Câmara dos Deputados: renovação ou circulação no poder?


A próxima composição da Câmara dos Deputados terá o menor índice de renovação real, entendendo-se como tal apenas os nomes que nunca ocuparam cargos públicos. A renovação real será absolutamente residual. O que haverá será uma circulação no poder.

Ler mais